Blog Na Grade do MMA

Aposentadoria de Brock deixa UFC ‘órfão’ – quem será o próximo rei do pay-per-view?

Jorge Corrêa

Olhando friamente os números do cartel de Brock Lesnar no MMA – apenas oito lutas, com cinco vitórias e três derrotas – muitos podem pensar que ele teve uma carreira mediana, principalmente pelo pouco número de vezes que entrou no octógono. Mas quando analisamos o lucro que ele deu para o UFC, vemos que sua aposentadoria, anunciada no último dia 30, poderá pesar no bolso do evento.

O Ultimate ficou órfão de seu maior vendedor de pay-per-views (PPV).

Boa parte da renda do UFC (e deu seu atual sucesso) vem dos pacotes de exibição vendidos a parte dos canais a cabo ou aberto nos EUA. E ninguém vendeu tantos pacotes como Brock Lesnar.

Com fama de malvado e carisma trazido da época em que era lutador do WWE (nosso telecatch), o gigante de 1,91m e 120kg rapidamente cativou o público norte-americano. Resultado: ele está em quatro dos seis eventos mais vendidos no país e é dono do recorde: 1,6 milhão de pacotes na edição 100, quando venceu a revanche contra Frank Mir.

(Nota do blog: esse recorde ainda é bem distante do maior número de pacotes vendidos em uma luta de boxe – Oscar De La Hoya x Floyd Mayweather, 2,4 milhões em 2007; e Mike Tyson x Evander Holyfield 2, 1,99 milhão em 1997 – mas isso é tema para posts futuros.)

Completamente ciente do que está perdendo, o próprio Dana White, presidente do UFC, evitou cravar a aposentadoria do lutador, apesar de o mesmo tê-lo feito ainda no octógono após ser nocauteado por Alistair Overeem. O cartola logo bradou que Brock ainda tem uma luta no contrato e que ele não pode voltar ao WWE, por exemplo, por conta disso.

Na despedida, Lesnar também não decepcionou. Em um evento que não contava com disputa de cinturão, foram vendidos entre 750 e 810 mil pacotes de PPV, segundo números preliminares. Assim, o show seria o 11º mais vendido da história do UFC.

MAIORES VENDAS DE PPV NO UFC

EVENTOPACOTESDATA
UFC 100: Lesnar vs. Mir 21,6 milhão11/07/2009
UFC 116: Lesnar vs. Carwin1,16 milhão03/07/2010
UFC 66: Liddell vs. Ortiz 21,05 milhão30/12/2006
UFC 114: Rampage vs. Evans1,05 milhão29/05/2010
UFC 121: Lesnar vs. Velasquez1,05 milhão23/10/2010
UFC 91: Couture vs. Lesnar1,01 milhão15/11/2008

 

E agora, quem será o próximo rei do PPV?

Com a aposentadoria de Randy Couture e o longo afastamento do canadense Georges St-Pierre por conta de uma grave lesão, Jon Jones é quem desponta dessa disputa de novo queridinho do público que compra PPV.

O atual campeão dos meio-pesados vive grande fase, é jovem, tem carisma e um estilo de luta impressionante. Já virou ídolo do esporte nos EUA. Se conseguir fazer os quatro combates que quer em 2012, tem tudo para ficar com esse posto que era de Brock Lesnar.

Outros nomes correm por fora. Se depender de juntar boas lutas com declarações polêmicas, Chael Sonnen e os irmãos Nick e Nate Diaz também estão na parada. O primeiro não precisa de apresentação e uma futura revanche com Anderson Silva tem tudo para ser sucesso.

Já os Diaz vêm colecionando confusões e grandes atuações quando entram no octógono. Nick voltou ao UFC, faltou a uma coletiva, foi tirado da disputa do título com GSP, mas depois de vencer BJ Penn, disputará o cinturão interino dos meio-médios em fevereiro com Carlos Condit. Campeão do TUF 5, Nate fez uma luta épica com Donald Cerone no UFC 141 e deixou o público ansioso por uma nova apresentação.

***************************
Para quem quiser seguir o blog no Twitter dele ou no meu pessoal:
http://twitter.com/NaGradedoMMA
http://twitter.com/jorgecorrea_