Blog Na Grade do MMA

Rival diz que treino deixou fácil luta com Toquinho e Dana se surpreende com resultado

Jorge Corrêa

O UFC on Fox 3 não foi nada bom para o Brasil no último sábado. No card preminar, o peso mosca John Lineker acabou finalizado em sua estreia no UFC e no card principal, Rousimar Palhares, o Toquinho, esteve perto de vencer com uma chave de perna, mas foi nocauteado pelo norte-americano Alan Belcher.

>> Monotemático, Toquinho repete erros do passado
>> Siga o blog no Twitter: @NaGradedoMMA
>> Leia todas as notícias de lutas no UOL Esporte

Após o combate, Belcher mostrou que estava confiante para o combate, mesmo com a fama do brasileiro nas chaves de perna e tornozelo. Ele explicou que seu camp fez com que a luta ficasse fácil para ele. “Me preparei muito tempo para essa luta. Eu assisti um monte de vezes seus combates, o via pegando a perna de caras de alto nível. Ficava vendo os vídeos e pensava: ‘esse daí é fera demais’. “

“Então eu treinei tanto que deixei a luta realmente fácil, trouxe caras impressionantes para meu treinamento. Trabalhei todas as posições. Na primeira vez, fui finalizado no treino, mas depois de algumas semanas, eu melhorei e estava realmente preparado.”

Mas o resultado da luta surpreendeu até o próprio presidente do Ultimate Dana White, que acreditou que Toquinho venceria quando iniciou o movimento para a chave de perna. “Preciso assumir que quando vi essa luta indo tão rápido para o chão, tive certeza que o final dela seria outro.”

“Achei que o Belcher seria finalizado pelo Toquinho, ainda mais quando o vi conseguindo pegar o joelho. Mas o Alan conseguiu se livrar e passar a guarda. Nessa hora, pensei: ‘mas o que ele está fazendo? Por que não fica em pé?’”