Blog Na Grade do MMA

Anderson Silva esquece histórico de modéstia e abusa da autoconfiança para cima de Sonnen

Jorge Corrêa


Direto de Las Vegas, post com o parceiro Rafael Krieger

Apesar de ser apontado como melhor lutador da atualidade e provavelmente o melhor de todos os tempos no MMA, Anderson Silva apostou em uma postura modesta na maioria das vezes, sempre reverenciando seus rivais, sempre falando que a “luta será dura, ele é um cara complicado…'', o de sempre. Mas isso não está acontecendo para a revanche contra Chael Sonnen.

>> Confira a cobertura completa do UFC 148
>> Siga o blog no Twitter: 
@NaGradedoMMA
>> Leia todas as notícias de lutas no UOL Esporte

(Momento parênteses: uma das poucas passagens em que Anderson não teve tanto espírito esportivo dentro do UFC foi na vitória sobre Demian Maia, em Abu Dhabi, em 2010. Mas isso é outra história.)

O campeão dos médios do UFC vem abusando da autoconfiança para a luta deste sábado, na edição 148 do Ultimate. Depois de uma conferência telefônica muito agressiva, disparou uma série de elogios para ele próprio. Como exemplo, vamos aos melhores “autoelogios'' de Anderson.

“Para ele me enfrentar [lutando] em pé, só se ele for mágico.''

“Se você treina 100%, você luta 100%. Eu estou 100% treinado e o resultado será 100% para mim.''

“Vim aqui fazer meu trabalho e sei que os americanos respeitam o que eu faço.''

“Na primeira luta, ele ficou em uma posição por cinco rounds que eu precisaria de um segundo para vencê-lo se estivesse nela.''

Mas em sua última resposta, Anderson respirou profundamente e disse que, apesar de tudo que já aconteceu entre ele e Sonnen e de tudo que ele falou, irá reverenciá-lo ao final da luta em caso de vitória. “Claro que vou. Isso é um esporte e sou um artista marcial. Minha disciplina marcial me ensinou a respeitar os adversários. Já cometi erros e aprendi que preciso ser sempre melhor do que fui no passado.''

MAIS SOBRE O UFC 148
>> Anderson troca caretas por ameaça ao pé do ouvido e empurrão em rival
>> Anderson mantém agressividade: 'Bato em Sonnen 10 vezes se precisar'
>> Anderson promete espancar no 1º round e Sonnen fala em 'funeral'