Blog Na Grade do MMA » demian maia http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br Sabia o que acontece dentro e fora do octógono Tue, 02 Sep 2014 15:10:48 +0000 pt-BR hourly 1 http://wordpress.org/?v=3.9 Demian cai uma posição e Assunção sobe uma em ranking após UFC Barueri http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/10/14/demian-cai-uma-posicao-e-r-assuncao-sobe-uma-em-ranking-apos-ufc-barueri/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/10/14/demian-cai-uma-posicao-e-r-assuncao-sobe-uma-em-ranking-apos-ufc-barueri/#comments Mon, 14 Oct 2013 10:26:45 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=10793


O ranking do UFC teve sua mais recente atualização depois do evento em Barueri, na Grande São Paulo, na última quarta-feira, e dois brasileiros se movimentaram em suas categorias.

Apontado até esse card como candidato a disputar o cinturão dos meio-médios, de Georges St-Pierre, Demian Maia acabou caindo uma posição com sua derrota para Jake Shields na luta principal do UFC Barueri, indo de quarto para quinto lugar. Já o norte-americano voltou a figurar no top 10, na oitava colocação, com a vitória.

Já entre os pesos galo, Raphael Assunção subiu e se aproximou ainda mais de uma disputa de cinturão. Depois de bater TJ Dillashaw por pontos, em decisão dividida, ele foi de quinto para quarto lugar, ficando atrás apenas Urijah Faber e Michael McDonald – o primeiro colocado é o campeão interino Renan Barão.

Menção honrosa para o ranking peso por peso. Continua o troca-troca de posição entre os brasileiros Anderson Silva e José Aldo. Nesta semana, o Spider terminou à frente, na terceira colocação, o campeão dos penas em quarto. Jon Jones é o líder, seguido por Georges St-Pierre.


Sangue, suor e… ‘porrada’

Sangue, suor e… ‘porrada’

[tagalbum id="51086"]

]]>
2
Brasil vê maior frustração em casa e até vencedores ficam na corda bamba http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/10/10/brasil-ve-maior-frustracao-em-casa-e-ate-vencedores-ficam-na-corda-bamba/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/10/10/brasil-ve-maior-frustracao-em-casa-e-ate-vencedores-ficam-na-corda-bamba/#comments Thu, 10 Oct 2013 17:14:25 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=10723

Por Maurício Dehò

Não há muito mistério. O torcedor brasileiro gosta de ver seus compatriotas vencendo. E, se não se pode dizer que os cards do UFC no país são “feitos para brasileiro ganhar”, o medo dos lutadores gringos de viajar e encarar a torcida verde-amarela costuma ser tanto que na maioria das vezes que o Ultimate desembarcou por aqui se viu um show de vitórias dos atletas da casa – principalmente no Rio. Mas Barueri presenciou algo bem diferente. Não só as duas lutas principais acabaram com vitórias estrangeiras, como até os venceram tiveram atuações discutíveis.

  • 14146
  • true
  • http://esporte.uol.com.br/enquetes/2013/10/10/quem-teve-a-pior-noite-no-ufc-barueri.js

Geralmente os sites especializados em MMA gostam de fazer listas de “os maiores vencedores e perdedores” de cada evento. Desta vez, a lista pende para o lado dos perdedores, com um maior número de atletas que saíram com um saldo negativo do que positivo.

Se Jake Shields e Dong Hyun Kim são, visivelmente, os lutadores que têm mais a comemorar, a lista de quem não se deu tão bem não tem apenas quem somou uma derrota no cartel, como os favoritos para triunfar Demian Maia e Erick Silva.

Isso porque as vitórias de Thiago Silva, Fabio Maldonado e Toquinho tiveram alguns fatores que mancharam a festa. Por outro lado, o brasileiro que tem muito a celebrar é Raphael Assunção, que dá passos largos na aproximação do cinturão dos pesos galos.

Vamos então a uma análise mais detalhada desses resultados, falando das principais lutas, para ver quem seu deu bem em Barueri, quem não teve tanta sorte neste card e quem está na corda bamba do UFC:


Shields vence Maia: Brasileiro recua

Nos últimos meses, falou-se que uma vitória de Demian o colocaria na disputa de cinturão dos meio-médios, depois de ele vencer três combates seguidos desde que estreou na categoria. Contra Shields, Demian teve lampejos daquele lutador arrasador, mas deixou o rival o derrubar e, com as costas no solo, pouco pôde fazer. A derrota – polêmica ou não nas papeletas – e a performance foram um balde de água fria. Mas o brasileiro ainda pode se recuperar. Se tiver grandes lutas pela frente e contar com um pouco de sorte, ainda pode reencontrar o caminho do cinturão. Já Shields venceu sua segunda luta seguida em decisão dividida. O norte-americano segue sem impressionar, mas vai ganhando espaço para voltar a lutar pelo título.

Kim vence Erick: Golpe de sorte e decepção

Sempre cotado como a grande revelação do país, Erick Silva ia bem quando deu de encontro com aquele único soco de Dong Hyun Kim e sofreu o primeiro nocaute da carreira. Erick não chega a ser um “grande perdedor” da noite. Ele mostrou mais uma vez seu potencial e vencia a luta, portanto o golpe com uma boa dose de sorte não ficará lembrado com muita decepção. Erick recua alguns degraus, mas pode voltar com força. Com três vitórias seguidas, o sul-coreano começa a virar realidade nos meio-médios.

Thiago Silva vence Hamill: Quase nocauteou, mas cadê o gás?

Se até Dana White caçoou da forma física de Thiago Silva, a coisa não está boa para o lado do (meio-)pesado. Para um lutador que já foi suspenso duas vezes por doping, ter falhado na pesagem de sexta-feira, em Barueri, foi um duro golpe. Restava para ele vencer bem para apagar o erro. Thiago venceu, quase nocauteou Matt Hamill, mas o resultado não chega a fazer tudo isso por sua imagem, já que o brasileiro cansou rapidamente e terminou a luta se arrastando. Depois do combate, o chefão do UFC postou uma mensagem no Twitter com uma foto com algumas guloseimas, dizendo que Thiago fez uma dieta como a sua. É claro que o UFC não acha graça de um lutador que não consegue cumprir suas obrigações mínimas, então a ironia de Dana White diz muito sobre como o brasileiro segue na corda bamba.

Maldonado vence Beltran: Venceu, mas não tinha direito de provocar

Dois lutadores que batem muito e tem bons queixos. Mas o encontro de Maldonado e Beltran não soltou as faíscas esperadas. Além de terminar por pontos, em decisão discutível em favor do brasileiro, a disputa foi morna. Maldonado ainda resolveu ficar provocando Beltran e chamando o rival para a grade – em cena à la Anderson x Bonnar -, mas para quê? O paulista fez muito pouco para justificar a atitude. Mesmo com a vitória, sua segunda seguida, Fabio Maldonado pouco subirá dentro dos meio-pesados do Ultimate. Ainda está devendo.

Toquinho vence Pierce: Grande vitória manchada

Toquinho estreou bem nos meio-médios, depois de uma semana muito emocional, em que ele até chorou ao bater o peso. No octógono, tomou um susto com alguns golpes de Pierce, mas fez seu arroz com feijão, pegou o pé do norte-americano e levou para casa. Mas foi ali no fim que a coisa ficou feia para ele. Toquinho demorou a soltar a finalização, mesmo que o rival o estapeasse e o árbitro já fizesse a intervenção. Resultado: multa pesada, agravada pelo fato de ele já ter sido repreendido anteriormente em outro combate. Foi uma grande estreia na categoria, mas a falta de ética a manchou. Resta ao mineiro esperar a poeira baixar e ver se esse detalhe é esquecido em sua nova jornada pelo cinturão.

*Atualização: Toquinho foi demitido na tarde desta quinta-feira pelo UFC e, de acordo com Dana White, nunca mais lutará pela organização devido ao incidente. Leia mais

Assunção vence Dillashaw: Já pode sonhar com o cinturão

Raphael Assunção foi o grande vencedor para o Brasil em Barueri. Se ele chegou ao evento como 5º no ranking dos galos, sua atuação contra um rival muito duro só faz com que sua série de cinco triunfos seguidos ganhe ainda mais importância. Eddie Wineland e a volta de Dominick Cruz ainda aparecem como prioridades para Renan Barão, mas o cinturão está ficando mais próximo para ele. Pode começar a sonhar.

Card preliminar

Se você acompanhou o noticiário do UFC Barueri, deve ter começado a contar no dedo as histórias de superação de Igor Araújo: foi morar na Europa com 25 euros no bolso, quase desistiu do MMA quando recebeu o convite do Ultimate, passou perrengue para voar para o Brasil e não foi avisado de que sua mulher passaria por uma cirurgia. Ainda assim, bateu o peso e estreou com vitória sobre o duro Ildemar Marajó. O termo “grande vencedor” não é só como resultado, mas por tudo o que o meio-médio passou, e agora ele inicia bem este novo capítulo da carreira, no sonhado UFC. Yan Cabral e Allan Nuguette também tem muito a comemorar com suas estreias vitoriosas, enquanto no duelo contra demissão dos pesos mosca, Chris Cariaso levou a melhor sobre Iliarde Santos, que provavelmente será cortado do plantel do Ultimate.

A frustração em casa - O card de Barueri representa o pior resultado brasileiro em casa desde que se realizou o primeiro UFC Rio. Foram nove eventos no país e o único outro em que o gringo levou a melhor na luta principal foi a primeira edição em Belo Horizonte, em junho de 2012, quando Wanderlei Silva foi derrotado por Rich Franklin. Some-se isso ao fato de também a luta co-principal ter uma vitória de um estrangeiro, e o resultado realmente foi de frustração para a torcida brasileira.

]]>
3
Americano sofre para cortar peso e contrasta com tranquilidade de Demian http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/10/08/americano-sofre-para-cortar-peso-e-contrasta-com-tranquilidade-de-demian/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/10/08/americano-sofre-para-cortar-peso-e-contrasta-com-tranquilidade-de-demian/#comments Tue, 08 Oct 2013 09:01:16 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=10695

Demia Maia e Jake Shields estão em situação diferente para tirar peso

Era nítido o incômodo de Jake Shields durante o treino aberto e as entrevistas pre-UFC Barueri. Não que ele esteja enfrentando a chateação ou a provocação de torcedores brasileiros que vão apoiar Demian Maia na luta de quarta-feira. Seu problema é cortar os últimos quilos para os 77,270 kg que precisa bater na pesagem desta terça-feira, que começa às 16 horas (de Brasília).

Faltando pouco mais de 24 horas para a pesagem, ele ainda precisava tirar 15 libras – cerca de 6,280 kg. O norte-americano explicou que estava difícil de encontrar as condições que ele está acostumado para tirar peso. “Estou tendo de fazer apenas sauna, com corrida e bicicleta. Não estou conseguindo encontrar banheira para fazer banho quente e depois com gelo”, explicou.

A equipe de Shields explicou ao blog que eles estão tendo dificuldades de encontrar alguns produtos que ele também usa nesse processo. Existe até mesmo uma preocupação que ele não consiga bater o peso determinado dos meio-médios – se isso acontecer, Demian teria de aceitar esse estouro do peso mediante ao pagamento de uma multa de 20% da bolsa de seu rival.

“Não tenho do que reclamar, nem posso. Os brasileiros vão para os Estados Unidos o tempo todo, então nada mais justo que tenhamos de vir para cá. Está sendo um dia muito ruim, ficar sem comer, ter de dar tantas entrevistas. É mais ou menos o normal do que tenho de cortar nesse tempo, mas estou com menos equipamentos”, completou

Essa situação do norte-americano contrasta com a tranquilidade de Demian Maia. Além de ter a facilidade de estar em casa e com a equipe completa ao seu lado, ele precisa tirar apenas 3 kg nessas últimas 24 horas. Ele explicou que não está nem mesmo desidratando muito. Não em abundância, mas está bebendo água quase normalmente.

“Quando começa o treinamento eu já passo a baixar de peso. Eu não gosto de deixar pra perder em cima da hora. Começo nove semanas antes, com uns 88 kg mais ou menos. Às vezes até um pouco abaixo. E aí vou perdendo 500 g por semana ou mais pra chegar na semana da luta pra não estar tão acima”, disse.

UFC Barueri

UFC Barueri

#uolbr_tagAlbumEmbed(‘tagalbum’,’72840′, ”)

]]>
7
Demian encabeça UFC em Barueri e disputará cinturão se vencer http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/08/14/demian-encabeca-ufc-em-barueri-e-disputara-cinturao-se-vencer/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/08/14/demian-encabeca-ufc-em-barueri-e-disputara-cinturao-se-vencer/#comments Wed, 14 Aug 2013 10:00:10 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=10019

O UFC fechou na última terça-feira o evento que realizará aqui no Brasil no dia 9 de outubro, quarta-feira, na cidade de Barueri, região metropolitana de São Paulo. Agora, começa a montar o card. Em combate que já tinha sido acordado para a data, Demian Maia x Jake Shields será a luta principal da noite.

Mas essa não será uma luta qualquer para o paulista. Conversei com pessoas ligadas ao UFC e elas me indicaram que se Demian vencer esse combate, terá a chance de disputar o cinturão dos meio-médios. Essa é a ideia de Dana White e seus pares. Mais que isso, esse será o principal chamariz para o card, a maneira com que o Ultimate tentará vender o evento para o público.

Com uma disputa de título dos médios contra Anderson Silva no currículo, Maia desceu para a categoria até 77 kg no ano passado, após perder duas de três lutas no peso de cima. Mas desde que foi para os meio-médios, venceu três combates de forma contundente, contra Dong Hyun Kim, Rick Story e Jon Fitch.

Se Demian Maia derrotar Jake Shields e confirmar sua chance de disputar o cinturão, ele vai esperar o vencedor da luta entre o atual campeão Georges St-Pierre e Johny Hendricks, que se enfrentam no UFC 167, em Las Vegas, no dia 16 de novembro.

A penúltima luta do UFC em Barueri – o primeiro na Grande Osasco (Ok, brincadeira de um osasquense) – será do capixaba Erick Silva contra o coreano Dong Hyun Kim. O brasileiro, apontado como revelação da categoria, tenta sua quarta vitória em seis lutas na franquia.

Sangue, suor e… ‘porrada’

Sangue, suor e… ‘porrada’

[tagalbum id="51086"]

]]>
24
Com Demian Maia, card do UFC Rio 4 em agosto começa a tomar forma http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/05/02/com-demian-maia-card-do-ufc-rio-4-em-agosto-comeca-a-tomar-forma/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/05/02/com-demian-maia-card-do-ufc-rio-4-em-agosto-comeca-a-tomar-forma/#comments Thu, 02 May 2013 09:01:27 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=8567
A tradição está mantida no ano de 2013. Vamos ter pelo menos uma edição do UFC no Rio de Janeiro, na HSBC Arena. Apesar de ainda não ter sido oficializado, o UFC Rio 4 deve acontecer em 3 de agosto e o card começa a tomar forma. Uma bela forma.

A última luta apalavrada é com Demian Maia. Perto de uma disputa de cinturão dos meio-médios, o paulista terá pela frente o experiente norte-americano Josh Koscheck, décimo colocado no ranking oficial do UFC na categoria e com uma disputa de cinturão no currículo.

Demian está invicto desde que ele baixou dos médios para os meio-médios e já tem três vitórias contra adversários bem ranqueados. Sua última luta foi contra o também ex-desafiante pelo título Jon Fitch. Dana White avisou, depois daquele combate, que Maia estava muito próximo da disputa do cinturão. Uma vitória sobre Koscheck o coloca como top contender número 1.

Esse evento já tem uma disputa de cinturão garantida. José Aldo defenderá o título dos penas do UFC contra o norte-americano Anthony Pettis. Se vencer, o brasileiro tem apalavrada com o presidente Dana White a chance de disputar, em seguida, o título dos pesos leves, na categoria de cima.

Outro que deve estar no card do UFC Rio 4 é Cezar Mutante. Ele tinha luta marcada no UFC de Jaraguá do Sul, em Santa Catarina, neste mês, contra C.B. Dollaway, mas acabou sofrendo uma lesão. Ele disse que tem prometido um combate nesse card de agosto, mas ainda não tem rival.

]]>
13
De olho em cinturão, Demian prevê luta no UFC Rio 4 e pede Nick Diaz como rival http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/04/17/de-olho-em-cinturao-demian-preve-luta-no-ufc-rio-4-e-pede-nick-diaz-como-rival/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/04/17/de-olho-em-cinturao-demian-preve-luta-no-ufc-rio-4-e-pede-nick-diaz-como-rival/#comments Wed, 17 Apr 2013 10:54:29 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=8409
Principal nome brasileiro nos meio-médios desde que Thiago Pitbull disputou o cinturão da categoria no UFC 100, Demian Maia já tem planos para sua próxima luta. O programa semanal do UFC na TV nos Estados Unidos noticiou que o paulista quer estar na quarta edição do UFC Rio, que acontece no começo de agosto.

Mais que isso, o UFC Tonight revelou que o meio-médio brasileiro quer como rival nessa luta o norte-americano Nick Diaz, último desafiante pelo cinturão da categoria, mas acabou derrotado por Georges St-Pierre em 16 de março.

Com três lutas e três boas vitórias depois de descer dos médios (84 kg) para os meio-médios (77 kg), Demian Maia não pisa no octógono do UFC desde o início de fevereiro deste ano, quando derrotou Jon Fitch de forma incontestável, por pontos, no UFC 156, em Las Vegas.

Algumas ponderações do blogueiro:

1) Essa parte do UFC Tonight, com as notícias “quentinhas” e que é apresentada pelo jornalista Ariel Helwani, soa como reportagem, mas é quase um anúncio oficial. Nesse quadro, ele não fala nada sem algum aval do UFC e (quase) nunca deu uma bola fora. Ou seja, essa luta entre Demian Maia e Nick Diaz já deve estar bem encaminhada.

2) Demian tem um plano claro para disputar o cinturão dos meio-médios, atualmente com GSP, entre o final deste ano e o começo do próximo. Então uma luta contra um rival muito bem ranqueado, em agosto, faz todo sentido. Nick Diaz seria um bom caminho, já que St-Pierre deve ter Johny Hendricks como seu próximo adversário.

3) O UFC Rio 4, ou UFC 163, ainda não foi oficializado, mas está muito próximo de ser. A única luta que já foi confirmada para esse card é a disputa de cinturão do penas entre o campeão José Aldo e o ex-campeão dos leves do WEC Anthony Pettis. Cezar Mutante, se recuperando de uma lesão, disse que também deve estar no evento.

Sangue, suor e… ‘porrada’

Sangue, suor e… ‘porrada’

[tagalbum id="51086"]

]]>
9
Derrotado por ambos, Demian prevê vitória com dificuldade de Anderson sobre Weidman http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/03/12/derrotado-por-ambos-demian-preve-vitoria-com-dificuldade-de-anderson-sobre-weidman/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/03/12/derrotado-por-ambos-demian-preve-vitoria-com-dificuldade-de-anderson-sobre-weidman/#comments Tue, 12 Mar 2013 09:47:40 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=7928

Demian Maia e Daniel Sarafian são parceiros de treino em São Paulo

O blog inovou neste post. Dentro do quadro UOL Esporte Entrevista, tivemos dois convidados de uma só vez. Conversamos com o meio-médio Demian Maia e com o peso médio Daniel Sarafian. Os dois ainda não têm lutas marcadas, mas falaram sobre o atual momento deles dentro do evento.

Em boa fase na nova categoria, cotado até para disputar o cinturão em breve, Demian falou sobre a disputa de cinturão dos médios entre Anderson Silva e Chris Weidman. Quando o paulista estava na categoria de cima, ele acabou sendo derrotado por ambos. Para Maia, o campeão passará por dificuldades, mas vencerá o americano.

Demian ainda comentou sobre o UFC 158, neste sábado, que definirá os rumos da categoria dos meio-médios, e deu seus pitacos sobre a disputa de título entre Georges St-Pierre e Nick Diaz. “Não será fácil para GSP, Diaz tem um boxe muito bom, mas ele saberá se impor e deve sair com a vitória.”

Já Daniel Sarafian falou sobre o reality show TUF Brasil 2, que começa neste domingo. Ele disse que não sente falta do confinamento que passou na primeira temporada. Ele ainda disse que estou o UFC ter marcado a luta de Cezar Mutante contra CB Dollaway, exatamente seu último algoz, no UFC São Paulo.

]]>
15
Entrevista com Demiam Maia e Daniel Sarafian – Mande perguntas! http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/03/07/entrevista-com-demiam-maia-e-daniel-sarafian-mande-perguntas/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/03/07/entrevista-com-demiam-maia-e-daniel-sarafian-mande-perguntas/#comments Thu, 07 Mar 2013 09:56:42 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=7856
Amigos do blog, vou fazer um convite especial. Nesta quinta-feira a tarde, vou fazer uma entrevista diferente. Ao mesmo tempo, terei na bancada do UOL Esporte dois lutadores de uma só vez. Vou conversar com o meio-médio Demian Maia e com o médio Daniel Sarafian.

>> Facebook: FB.com/NaGradedoMMA
>> Notícias sobre lutas no UOL Esporte
>> Blog no Twitter: @NaGradedoMMA

Faço então o convite para que mandem perguntas para os dois. A gravação acontece hoje a tarde e vai ao ar na próxima terça-feira. Quem tiver dúvidas sobre esses dois importantes nomes do UFC, qualquer pergunta, é só mandar para o e-mail aqui do blog: nagradedomma@gmail.com

]]>
1
Demian vê prova de fogo contra Fitch em novo peso e já fala em disputar cinturão ainda em 2013 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/01/30/demian-ve-prova-de-fogo-contra-fitch-em-novo-peso-e-ja-fala-em-disputar-cinturao-ainda-em-2013/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2013/01/30/demian-ve-prova-de-fogo-contra-fitch-em-novo-peso-e-ja-fala-em-disputar-cinturao-ainda-em-2013/#comments Wed, 30 Jan 2013 15:01:39 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=7248 Direto de Las Vegas (EUA)

Aos 35 anos, Demian Maia se encontrou nos meio-médios do UFC. Depois de até mesmo ter feito uma disputa de cinturão dos médios, o paulista vai para sua terceira luta na categoria de baixo, após duas grandes atuações. Mas agora, ele terá seu maior desafio até 77 kg contra Jon Fitch, no card principal do UFC 156, neste sábado.

>> Facebook: FB.com/NaGradedoMMA
>> Notícias sobre lutas no UOL Esporte
>> Blog no Twitter: @NaGradedoMMA

Com um rival muito experiente e que já disputou o cinturão da categoria, Demian está preparando surpresas. Claro que ele não entregou tudo, mas disse que elas podem vir na luta em pé, já que os dois são especialistas no chão – o brasileiro no jiu-jítsu e o americano no wrestling.

“Voltei mais para as minhas origens no jiu-jítsu nas minhas últimas lutas, mas estou preparado para tudo. Sei que ele é um cara que usa o que a luta apresentar, sabe amarrar muito bem, pontua facilmente quando está por cima. Então posso usar meu jogo em pé. Treinei muito boxe e muay-thai nos últimos anos, o caminho pode ser esse”, explicou.

Uma vitória neste sábado é essencial para que Demian dê prosseguimento a seu plano para esse ano: disputar o cinturão dos meio-médios ainda em 2013. “Se mantiver a média de três lutas por ano, como fiz em 2012, e continuar vencendo, não tem como eles não darem para mim essa disputa de cinturão. É esse meu foco para 2013.”

Ele também está muito de olho no UFC 158, em março, que terá os principais nomes de sua categoria. É quase um GP com o campeão GSP enfrentando Nick Diaz, o top contender Johnny Hendrick contra Jake Ellenberger, além de Rory MacDonald diante de Carlos Condit.

“Tenho que ficar esperto com esse evento. Claro que o Hendricks é o primeiro da fila, mas muita coisa pode acontecer. Lesões, mudanças. Acho que quem vencer da minha luta com o Fitch embola essa disputa. Mais que isso, pode até pintar uma disputa de cinturão dependendo do que acontecer em seguida”, explicou o brasileiro.

Demian Maia ainda comemorou já não sofrer muito para tirar peso e chegar aos 77 kg da categoria. “Na primeira luta foi muito complicado, na segunda já foi melhor, mas agora estou muito bem. Acho que meu corpo já se acostumou com esse novo peso. Vou muito bem para essa luta.”

]]>
4
Após susto, Demian revê “sofrimento” para tirar peso de nova categoria para luta no UFC Rio 3 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2012/10/03/apos-susto-demian-reve-sofrimento-para-tirar-peso-de-nova-categoria-para-luta-no-ufc-rio-3/ http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/2012/10/03/apos-susto-demian-reve-sofrimento-para-tirar-peso-de-nova-categoria-para-luta-no-ufc-rio-3/#comments Wed, 03 Oct 2012 13:26:32 +0000 http://nagradedomma.blogosfera.uol.com.br/?p=5381 Depois de cinco anos e 13 lutas entre os médios, onde chegou até a disputar o cinturão contra Anderson Silva, Demian Maia fez sua estreia entre os meio-médios em julho deste ano, quando venceu o sul-coreano Dong Hyun Kim no UFC 148 em apenas 47 segundo. Agora, ele volta ao octógono para lutar em casa, mas o sofrimento será o mesmo.

>> Blog no Facebook: FB.com/NaGradedoMMA
>> Todas as notícias sobre lutas no UOL Esporte

>> Siga o blog no Twitter: @NaGradedoMMA

O lutador paulista abre o card principal do UFC Rio 3, no próximo dia 13 de outubro, contra o norte-americano Rick Story, mas a batalha já começou e está sendo árdua. A luta contra a balança para chegar aos 77 kg da categoria. “Até era para estar em uma semana de treino forte, mas estou tendo de focar mais na questão do peso.”

Desde que decidiu descer de categoria, Maia sabia o que enfrentaria. Depois de altos e baixos entre os médios, escolheu um recomeço dentro do UFC e isso passaria por esse desafio. “Na verdade não está melhor, o sofrimento está sendo o mesmo. O que não tem mais é a surpresa, sei exatamente como é agora.”

Em conversa com o blog, Demian revelou que antes de sua primeira luta entre os meio-médios, até mesmo antes de anunciar a mudança, ele fez uma experiência: resolveu chegar aos 77 kg, mesmo sem luta marcada, para ver como seria. E não foi nada bom. Ele passou mal, desmaiou, e tomou um baita susto. Mas pelo menos o ajudou a planejar melhor o corte de peso.

“Aquela experiência foi excelente. Teve o susto, mas pelo menos fiquei sabendo como era, pudemos tomar algumas decisões. Vimos em que peso precisaria estar com uma e duas semanas para a luta, por exemplo”, explicou o lutador.

Sobre o combate contra Rick Story, Demian – famoso por ter uma das melhores técnicas de jiu-jítsu do UFC – não esconde que pretende levar o combate para o chão. “É clichê, mas não tem como fugir: vai depender de como ele virá para a luta, do que ele vai querer fazer. Mas é claro que se puder ir para o chão, para mim será melhor.”

]]>
1