Topo
Na Grade do MMA

Na Grade do MMA

Casamento e cachorros: o que Ronda tem feito desde a última derrota no UFC

UOL Esporte

18/10/2017 04h00

Ronda Rousey não sobe ao octógono há quase 10 meses. E seu dia a dia indica que as chances de a norte-americana voltar a lutar no UFC são cada vez menores. Desde que perdeu para Amanda Nunes, a ex-campeã dos galos participou de séries de TV, casou e curtiu muito a vida. A luta? Bom, essa aí ficou meio em segundo plano…

Casamento no Havaí

Durante o período de inatividade, Ronda trocou alianças com o também lutador do UFC Travis Browne. Os dois se casaram justamente no dia mais importante do ano para a organização: a superluta entre Conor McGregor e Floyd Mayweather no boxe. O casamento aconteceu à beira do mar em uma das ilhas do Havaí.

Um novo integrante na família

A criação da família Rousey Browne resultou na chegada de um novo membro. Em setembro deste ano, Ronda apresentou aos seus seguidores Chunk Browne, o novo cachorro da dupla de lutadores. Chunk chega para fazer companhia aos outros dois cães de Ronda, que ela também vive postando fotos e vídeos no Instagram.

Carreira artística continua com tudo

Enquanto ainda era campeã do UFC, Ronda vivia falando sobre sua carreira em Hollywood. A norte-americana nunca escondeu que desejava seguir fazendo filmes e séries quando seu período no mundo das lutas chegasse ao fim.

Em abril deste ano, Ronda participou das gravações da série "Blindspot". Nela, a norte-americana interpreta uma criminosa que foi presa por tráfico de armas. Nas cenas, a ex-campeã do UFC dá show em um duelo corpo a corpo com a protagonista, que envolve chutes, socos e quedas.

Manifestações? Só para protestar

A primeira quebra de silêncio após a derrota para Amanda Nunes foi causada pelas políticas de Donald Trump. Por duas vezes, a norte-americana utilizou o Instagram para se manifestar sobre questões políticas.

Em uma delas, a norte-americana mandou uma mensagem de apoio aos afetados pelas mudanças na política internacional americana. Na ocasião, o presidente dos Estados Unidos suspendeu provisoriamente a entrada de pessoas de sete países de maioria mulçumana.

Antes disso, Ronda postou uma foto para apoiar uma ativista que luta em favor da tribo indígena Sioux, que travava uma batalha com as construtoras americanas.

E ainda deu tempo para uns treinos

Mesmo sem lutar, Ronda não deixou os treinos de lado. Em junho, a norte-americana foi filmada recuperando a forma física em uma atividade bastante intensa. A ex-campeã do UFC subia e descia as dunas da Califórnia.

Em abril, Ronda tinha feito um "treino" com uma criança de 11 anos. Na ocasião, a faixa preta de judô deu uma aula particular da modalidade para Jaxton Lundell, filho de Ricky Lundell, que auxilia a norte-americana nos treinamentos de luta agarrada nos Estados Unidos.

Sobre o blog

Saiba o que acontece dentro e fora do octógono, relembre as grandes histórias e lutas que fizeram o vale-tudo se tornar o MMA. Aqui também será o espaço para entrevistas, análises, debates, polêmicas e tudo que faz do MMA o esporte que mais cresce no mundo.
Contato: nagradedomma@gmail.com