Blog Na Grade do MMA

Arquivo : anderson silva

Mais cinco anos de Anderson Silva
Comentários Comente

Jorge Corrêa

“Eu estou me sentindo um coroa na ponta dos cascos, eu vou dar muito trabalho para essa molecada ainda, vou ficar mais uns cinco anos incomodando eles. Eu acho que ela (canela esquerda) está melhor que a outra, acho que ela ficou mais forte que a outra depois da recuperação.”

  • 26956
  • true
  • http://esporte.uol.com.br/enquetes/2014/05/06/voce-acha-que-anderson-silva-deveria-voltar-ao-ufc-ainda-este-ano.js

No Rio de Janeiro, em uma festa de um de seus principais patrocinadores, Anderson Silva era só alegria. Essa entrevista ao canal Sportv mostra bem isso. Ele não consegue mais esconder a felicidade de estar recuperado da fratura que sofreu no final do ano passado contra Chris Weidman.

Essa é a primeira vez que ele fala em lutar mais tanto tempo – tempo o suficiente para, por exemplo, completar os oito combates restantes de seu contrato com o UFC. Mas o ex-campeão dos médios, de volta ao octógono, só no ano que vem.

“Já voltei aos treinos normais, estou 90%, já recebi a liberação do médico, juntamente com toda a minha equipe de treino, e estou voltando aos poucos e, ano que vem, ainda não tenho a data certa ainda, estou voltando a lutar.

E quem seria um bom rival para esse retorno?

“Nunca tive essa coisa de adversários, eu tenho que me preparar para lutar com as pessoas do meu nível, e os atletas que estiverem credenciados para lutar comigo. O negócio é aguardar para ver quem será o meu adversário nesse retorno.


A promessa de Anderson Silva
Comentários Comente

Jorge Corrêa

Um dia depois de anunciar que estava liberado para fazer um treino completo de MMA, Anderson Silva apareceu em um vídeo fazendo um trabalho pesado na Team Nogueira, no Rio de Janeiro – parece uma campanha publicitária da equipe de Minotauro.

Além do treinamento, o que mais chamou a atenção foi a conversa do ex-campeão dos médios do UFC com uma menininha que estava na academia. Para ela, ele prometeu voltar em 2015. “Palavra de escoteiro e escoteiro nunca mente”, disse.”Não posso fazer duas coisas: pular e chutar. O resto posso tudo. Também estou com medo. Mas ano que vem vou voltar.”

Esse é exatamente o plano de Anderson Silva. Mesmo estando 100% recuperado da fratura que sofreu na luta contra Chris Weidman no último fim de semana do ano passado, ele vai aproveitar os próximos meses para ficar com sua família e tocar outros projetos pessoais. Luta no UFC só no ano que vem mesmo.


“Anderson Silva só pelo dinheiro certo”
Comentários Comente

Jorge Corrêa

UFC 158

UFC 158

[tagalbum id="64847"]


No início desta semana, mais uma vez um dos empresários de Anderson Silva, o norte-americano Ed Soares, falou sobre o retorno do ex-campeão dos médios do UFC. A ideia é ela acontecer no primeiro semestre de 2015, então os possíveis adversários já começam a ser vislumbrados. Um deles já está em alerta.

Principal nome citado pelo agente, o norte-americano Nick Diaz começa a pensar em deixar sua aposentadoria para enfrentar o brasileiro nesse retorno. As condições passam diretamente pela carteira de Dana White e seus pares no comando do Ultimate.

De acordo com o programa oficial do UFC na TV dos Estados Unidos, Diaz disse que tem o total interesse em lutar contra o brasileiro, um dos adversários que sempre sonhou em ter e na luta que seria uma das maiores das história do MMA. No entanto, teria de ser pelo “dinheiro certo”.

O que ele quer dizer com “dinheiro certo”? Dentre os tantos motivos pelos quais Nick Diaz está afastado do octógono, como falta de motivação após perder duas disputas de cinturão dos meio-médios seguidas contra Carlos Condit e Georges St-Pierre, o salário pago por Dana White é o principal empecilho.

Em dado momento, ele chegou a dizer que voltaria a lutar pelo UFC se recebesse uma bolsa de US$ 500 mil – apenas Anderson Silva tem um salário maior que esse, tendo recebido US$ 600 mil em suas duas últimas lutas, quando perdeu para Chris Weidman.


Anderson: ‘Tenho oito lutas no contrato, mas não sei se vou ter saco…’
Comentários Comente

UOL Esporte

Tenho oito lutas no contrato e pretendo fazer todas. Mas não sei se vou ter saco para fazer isso… Mas por enquanto, estou superempolgado. Estou passando por uma fase de renovação. Então, vai ser legal quando voltar a lutar poder fazer o que eu amo. Enquanto eu tiver essa vontade, enquanto eu tiver esse desejo de lutar, eu vou lutar

Anderson Silva recentemente renovou seu acordo para lutar no UFC. Apesar de estar com 39 anos, assinou um acordo para realizar mais oito combates pela organização do qual foi o maior estrela e reinou na categoria médio antes de ser destronado por Chris Weidman. Mas a pergunta que ficou desde que se fez público o contrato sempre foi: o brasileiro tem condições de lutar por tanto tempo?

  • 26956
  • true
  • http://esporte.uol.com.br/enquetes/2014/05/06/voce-acha-que-anderson-silva-deveria-voltar-ao-ufc-ainda-este-ano.js

Fisicamente é claro que a dúvida ainda é maior, já que sequer sabemos como ele voltará para uma luta. Mas, além deste problema, outra ponto que vai influir é a motivação do veterano em permanecer no MMA por tanto tempo. E, nesta frase que ele disse em reportagem para o SporTV, isso fica mais claro do que nunca.

Além de provar que seu corpo ficou totalmente curado da grave lesão na perna sofrida na última luta com Weidman, Anderson precisará vencer, se sentir desafiado e ter forças para aguentar as duras rotinas de treinos – o que ele até aqui provou ter de sobra, vide a surpreendente recuperação da fratura, poucos meses depois do incidente.

Anderson diz que só voltará a lutar no meio de 2015. Quer tirar este ano todo para ficar com a família e tocar projetos paralelos ao MMA, apesar de não abandonar os treinos. Do outro lado deste cabo de guerra, Dana White, o UFC e os empresários do Spider querem que ele volte no fim do ano ou no máximo no começo de 2015. Aguardemos os próximos capítulos.

Por Maurício Dehò


Afinal, quando Anderson vai voltar?
Comentários Comente

Jorge Corrêa

Depois de uma breve pausa, Anderson Silva voltou ao noticiário nesta semana e, como não poderia ser diferente, o principal assunto foi um possível retorno ao UFC. Esse destaque veio pelo fato de ele ter recebido alta médica para treinar cinco meses depois da fratura que sofreu contra Chris Weidman.

Então todo mundo resolveu dar seu pitaco sobre essa volta do ex-campeão. Falou Dana White, falaram empresários, falou ele próprio. Decidi reunir todas essas informações, conversei com pessoas do estafe do lutador, conjecturei alguns pontos e vou apresentar um cenário amplo para responder a pergunta do título.

Os fatos:

  • 26956
  • true
  • http://esporte.uol.com.br/enquetes/2014/05/06/voce-acha-que-anderson-silva-deveria-voltar-ao-ufc-ainda-este-ano.js

1) Os médico de Anderson Silva em Los Angeles o liberaram para treinar MMA normalmente e 100% – recuperação em tempo impressionante. Se quisesse, poderia iniciar um ciclo de treino agora.
2) Empolgado com essa alta, Dana White já começa a projetar a volta do Spider e coloca até uma data: último grande evento deste ano ou o primeiro de 2015. É o sonho do chefão.
3) A visão dos dois empresários de Anderson: Ed Soares também gosta da ideia do presidente do Ultimate. Jorge Joinha é um pouco mais conservador e diz que “do primeiro semestre de 2015 não passa”.
4) Anderson então diz que não pretende cumprir a previsão de Dana White. Quer voltar apenas em 2015, mas sem nenhuma posição concreta de data, algo que já vinha dizendo nos últimos meses.

Os bastidores:

1) Por mais que esteja liberado, Anderson não quer e não vai começar um ciclo completo de treinos neste momento. Ele até já está treinando e forte para os padrões de um lutador que não tem combate marcado. Mas não será para lutar em 2014.
2) Ele vai usar esse ano inteirinho para ficar com sua família e cuidar de outros projetos, como seu trabalho como ator ou uma nova academia no Brasil. São as férias que ele sempre quis e que vieram forçadas por sua grave contusão.
3) Um ponto é fato: já não há mais risco de parar de lutar. Anderson ainda tem a necessidade da adrenalina do octógono e da competição. Sua sonhada luta de boxe com Roy Jones Jr seria uma maneira de voltar aos poucos, mas a ideia está engavetada.
4) Ele não quer as datas propostas por Dana White porque pretende nunca mais perder as festas de final de ano treinando e longe de sua família, seja no Natal, seja no ano novo.

E quando ele volta então?

1) A situação mais provável é que Anderson Silva comece um ciclo de treino apenas em janeiro ou fevereiro de 2015. Ou seja, ele poderia lutar dois ou três meses depois disso. Rival? Isso é outro capítulo e muito distante.
2) Só tem uma chance de ele voltar antes: Dana White abrir o bolso. Como sabemos, não seria a primeira vez que Anderson mudaria de ideia sobre algo que ele bateu o pé – vide a segunda luta com Chael Sonnen. Claro que é possível o presidente fazer uma proposta financeiramente irrecusável ao brasileiro. É algo muito difícil, mas…

Anderson Silva

Anderson Silva

[tagalbum id="19044"]


Anderson Silva liberado
Comentários Comente

Jorge Corrêa

Apenas e somente cinco meses depois de o mundo ver sua canela dobrar ao meio naquela fatídica luta contra Chris Weidman no último fim de semana do ano passado, Anderson Silva recebeu alta. Ele foi liberado clinicamente para fazer treinos completos de MMA por seu médico na clínica Kerlan-Jobe em Los Angeles, onde mora com sua família.

  • 26956
  • true
  • http://esporte.uol.com.br/enquetes/2014/05/06/voce-acha-que-anderson-silva-deveria-voltar-ao-ufc-ainda-este-ano.js

Quem deu a notícia foi seu empresário de longa data Ed Soares, em entrevista ao site norte-americano MMA Junkie. Mas o que isso significa? Simples: o ex-campeão está pronto para voltar a lutar. Ele já pode entrar em um ciclo de treinamento assim que quiser.

Essa liberação não é exatamente uma surpresa, porque desde o início de seu tratamento o ex-campeão dos médios do UFC vinha mostrando uma velocidade surpreendente de sua recuperação. Ele publicou vídeos – em alguns momentos quase diários – mostrando passo a passo tudo que fazia, desde as primeiras sessões de fisioterapia até aos trabalhos iniciais de boxe, wrestlings, jiu-jítsu e até mesmo de chutes.

Mas, então, quando o Spider volta ao octógono? “Estamos conversando com o UFC e vamos ver o que vai acontecer”, resumiu o empresário.

As cartas estão na mesa. Anderson diz que não gostaria de retornar antes do meio de 2015, para ter mais tempo para projetos paralelos, como cinema, e sua família. Mas Dana White já bateu o pé: quer vê-lo lutando no final de 2014, no máximo início de 2015. Ed Soares se mostrou aberto a essa possibilidade também.

“O que? Anderson falando algo para imprensa e depois fazendo o oposto? Não posso acreditar nisso!”, brincou o agente. “Lembra que ele disse que nunca mais enfrentaria Chael Sonnen? Então… Não sei se ele está brincando com a imprensa, mas deve voltar mesmo no último evento deste ano ou no primeiro do próximo.”

Anderson Silva

Anderson Silva

[tagalbum id="19044"]


As férias de Anderson Silva
Comentários Comente

Jorge Corrêa

Depois fazer uma primeira fase acelerada de recuperação os Estados Unidos, Anderson Silva está passando uma temporada no Brasil, onde está cumprindo alguns compromissos de mídia e de patrocinadores. Ele também deu uma entrevista bem interessante para a equipe do UFC no Brasil.

Mesmo depois de falar tantas vezes e com tantos veículos, ainda sobraram algumas declarações bem interessantes, que podem ser vistos no player acima – assim como outras passagens da recuperação do ex-campeão dos médios do Ultimate, depois de ter fraturado a perna esquerda na luta contra Chris Weidman no final do ano passado.

Ele falou sobre o carinho dos torcedores nesse tempo, de sua carreira de ator, do que está fazendo para se tornar policial em Los Angeles e deu seus pitacos sobre política. Destaco ainda esses três trechos abaixo.

Volta ao octógono

Eu já estaria pronto para lutar este ano, com mais dois meses já estaria pronto, mas estou tendo a oportunidade de ficar mais tempo com minha família, de me focar e trabalhar em cima dos meus projetos pessoais. Então é isso que estou fazendo, aproveitando esse momento para cuidar das minhas coisas pessoais.

Medo de chutar novamente

Eu estava meio cabreiro a princípio, mas depois falei: “Ah, cara, faço isso desde pequeno. Então, “vambora”, vamos chutar, vamos lá, vamos fazer o que tem que ser feito, com alegria. Tem que ter alegria. Independente de você estar lesionado ou não, tem que ter alegria para se recuperar, ter a força de vontade para continuar, e não pode desistir nunca.

Luta de boxe

É um sonho que me acompanha desde muito tempo, eu sempre quis fazer essa luta de boxe com o Roy Jones. É sonho que eu gostaria muito de realizar, mas o Dana [White, presidente do UFC] já se pronunciou, e o Lorenzo [Fertitta, dono do evento]também. Eu entendo, é um negócio, e para o negócio deles não é bom. Mas é meu sonho, um desejo pessoal que eu tinha e por enquanto fica engavetado.

Anderson Silva
Anderson Silva

[tagalbum id="19044"]


Anderson Silva segurança?
Comentários Comente

Jorge Corrêa

Aproveitando sua parada forçada na carreira por conta da fratura sofrida na perna esquerda no final do ano passado, Anderson Silva protagonizou uma divertida campanha de um de seus principais patrocinadores, a Ambev, mas em nome da cerveja Budweiser.

Nessa campanha – na verdade, é só um aperitivo que deve ir ao ar nos próximos dias – o ex-campeão dos médios do UFC tenta um emprego como segurança. Nada mais justo para alguém tão proficiente em artes marciais, não? A ideia ficou bem divertida. Confira acima.

Anderson Silva

Anderson Silva

[tagalbum id="19044"]


Treino pesado de jiu-jítsu de Anderson
Comentários Comente

Jorge Corrêa

Depois de fazer mais de dois meses de recuperação em Los Angeles, onde mora com sua família, Anderson Silva finalmente veio ao Brasil. Ele chegou ao Rio de Janeiro na última semana e, continuando sua impressionante escalada rumo a sua volta ao UFC, treinou com alguns amigos.

Logo nos primeiros dias ele fez um trabalho de boxe, na Team Nogueira, junto de Rodrigo Minotauro. Mas tudo bem, isso ele já vinha fazendo nos Estados Unidos. Mas agora, ele fez um pesado trabalho de jiu-jítsu.

Quem mostrou o vídeo acima foi o experiente lutador e treinador Zé Mario Sperry, que ficou famoso na época em que defendia a equipe Brazilian Top Team nos áureos tempos do Pride, no Japão, e da disputa com a Chute Boxe – time que Anderson Silva chegou a fazer parte na década passada.

Anderson Silva

Anderson Silva

[tagalbum id="19044"]